II Expedição Transamazônica

Raimundo Pinto enviou algumas fotos, informações e pensamentos sobre essa sua segunda ida a Amazônia, que refletem em muito como essa floresta e tudo que acerca tem enorme influência sobre o nosso querido aventureiro.

Já que não podemos ir vamos viajar nas suas fotos, pensamentos, reflexões e causos.

 1º. Relato

Primeira etapa vencida, ou seja, Manaus – Porto Velho (BR 319). Pior trecho off-road  que já andei, com muito orgulho Bandeirante!

Ninguém quebrou e nem atolou. Foi considerado um milagre off-road.

Agora sigo para Cusco, sozinho.

Experimentarei a altitude de 5 mil metros.

Desejo a todos, muita Paz e Felicidade!

 2º. Relato (dia 15 de abril)

Um tempo para você!

Uma viagem como esta nos faz novamente ser criança, pois fatos interessantes acontecem e impregnam na nossa memória, para o resto da vida.

Então, vejamos.

– Homens com seus brinquedos desafiando a si próprios, querendo mostrar às vezes coisas que não podem fazer.

Os mais apaixonados e com muita razão tatuam suas Bandeirantes no corpo;

– Passeios de barco  que ao olhar para cima vemos um teto repleto de preguiças e macacos  com seus gritos  apavorantes; macacos curiosos e brincalhões, parecendo até nos entenderem por completo;

– Frequentemente ficamos a frente de nossas máquinas a procura de entender;

– Muitas vezes agente da cidade vive em pânico por tudo, mas não esqueçamos que tem muita gente sem neurose. Vejam este viajante que encontramos na BR 319, que nada mais nada menos são 600 km de total isolamento, fazendo seu percurso e nos ensinou como dormir na selva sem a onça e  cobras nos importunarem;

– Apreciem a Hilux que foi escolhida pelo maior andador  da floresta, Messias, como o melhor carro, ela é 95, segundo ele, as outras novas, vieram para tomar dinheiro dos que acreditam no plástico!;

– Observem a BR 319, que em 1970 fez o país se endividar e por razões obscuras e desconhecidas foi abandonada;

– Acampamentos no meio do nada, onde se via facilmente pegadas das onças, que não mexiam com ninguém;

– Pontes que se mexiam toda, quando sentiam o peso de cada viatura;

– Crianças vindo da imigração, trabalhando com seus pais, em cima de um trator, no sol a sol de cada dia;

– As pegadinhas da estrada mais parece filme de terror, nunca pegue esta estrada a noite;

– Momentos do igarapé, que dá até para esquecer que vivemos infelizes nestas grandes metrópoles;

– Carlos Komora fica dodói, desistindo antes do meio da viagem, risos.

– Este senhor, que pousa a frente do meu jeep, a trinta (30) anos cuida da comunicação, pois, a faz entre Manaus e Porto Velho.

Já lhe deram várias vezes estes carros de plástico para ele andar na Amazônia, mas ele de tanto sofrer ameaçou deixar o emprego dizendo: “Ou me dão uma Bandeirante ou podem ficar com esse trabalho, pois até um cavalo é melhor do que estes carros de plástico que inventaram agora”. Risos.

Esse capitalismo que constrói carros europeus para pobres brasileiros!

Observação: hoje estou em Porto Maldonado, amanhã farei um dia na floresta peruana  e no outro dia seguirei para Macapata, rumo a Cusco; a volta será um novo dia, com desafios diferentes.

Vejam as fotos e  agradeço o enorme carinho que venho recebendo dos amigos.

Muita paz para todos!

3º. Relato (dia 16 de abril)

Estou em Macapata a 3.500 metros de altitude e ainda subirei mais 5.200 metros, quando chegarei a Cusco.

Um abraço a todos!

Raimundo Pinto

 

4º. Relato (dia 17 de abril)

É indescritível subir os Andes e passar pelo Monte Nevasca.

Estou em Cusco e agora descansarei para poder cruzar a Transamazônica sozinho,  junto com meu Deus, que nos protege, a beleza da natureza e seus riscos que me fascinam; um homem precisa viver sem medo na natureza!

Num bom cearense… Inté a Amazônia.

Raimundo Pinto

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s