Divulgação 26 de julho de 2011

Os Landrovianos do Fortaleza Land Clube – FLC se encontraram mais uma vez no Restaurante Delícia do Sertão e o mesmo contou com a presença de Julio, Mario, George e Joyce, Onno, Natália e Bruno, Oliveira e Rosangela e os filhos Davi, Pedro e Vitor; justificaram a ausência Sandro e Marden.

Como pauta, tivemos os acertos finais da Trilha Noturna, adesivasão das viaturas, Passeio a Serra de Tejuçuoca e calendário do 2o. Semestre, esse último assunto não foi encaminhado, ficando para a próxima reunião.

Entretanto, antes de iniciarmos parabenizamos o novo papai do FLC, Onno, pela chegada do Miguel, que está com doze (12) dias.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Antes de começarmos com a pauta da nossa reunião desejamos registrar o 1º. Aniversário da realização da maior Expedição do Fortaleza Land Clube – FLC, ou seja, a Expedição Transamazônica 2010, abaixo seguem as citações recebidas.

 Bom dia amigos,

A quatro (4) anos um grupo de amigos, três deles membros do Fortaleza Land Clube – FLC tiveram a idéia de fazer uma trilha para a Transamazônica, após dois (2) anos saiu do papel.

E no dia 1º. de julho de 2010, deu-se a partida de Fortaleza a viajem tão sonhada e mastigada, a bordo de suas intrépidas e bem equipadas viaturas, três (3) Lands, tendo a frente Julio, George e Mario e encontrando-se com Roninho, em seguida batizado de Papai Smurf pelos seus conhecimentos, e Caio, em Barra do Garças – MT; onde iniciou-se a realização de um sonho que tornava-se realidade.

Passamos vinte e três (23) dias viajando conhecendo lugares desse nosso país desconhecido da maioria e que muitos não tem condição de ir e uma viajem para poucos, pois dirigir em condições extremas de estrada, de condições físicas e emocionais, não é para muitos.

Então, hoje, após um (1) ano, vem na memória o que foi a Transamazônica, isto só nós cinco (5) sempre vamos ter em nossos corações.

Foi uma honra e um prazer, mas, sem sexo, viajar com vocês.

E esta viajem aventura, vai viajar com a gente a vida inteira.

Abraços, Mario.

Bom dia Mario e todos aqueles que tornaram este sonho realizável…

Assim como você já disse, foi uma experiência que ficará registrada nos nossos corações por toda esta vida…

E espero que possamos ainda realizar outras expedições desse nível com o mesmo desempenho e acertos da Transamazônica, na qual observamos que tudo funcionou de acordo com as nossas expectativas, incluindo principalmente o de relacionamento entre os participantes…

Hoje à noite irei comemorar bebendo umas e quem quiser compartilhar é só me ligar, lembrando especialmente daquela noite em “Alô Brasil”, onde o ponto forte do jantar foram aqueles “ovos fritos” conforme fotos enviadas por você, Mário.

Abraço, Júlio.

Não posso deixar de me pronunciar, afinal participei indiretamente desta viagem, curti muito os preparativos e vibrei!
Esta foi uma emoção compartilhada lá em casa e fico feliz de ver estes relatos um ano depois!
Parabéns meninos! Virginia.

Senhores, Boa Noite!

Foi uma grande honra poder participar desta inesquecível Expedição com todos vocês, tenho certeza que todas as memórias ficaram na lembrança para sempre, atravessando inclusive futuras gerações.

Já se passou um ano e parece que foi ontem…

Um grande abraço a todos!, Ronaldo.

 Bons garotos transamazonenses,

Pena eu estar longe, não podendo compartilhar dessas lágrimas e saudade…

Vou torcer pra que esta seja a primeira de muitas outras comemorações  por esta viagem tão desejada e bem realizada.

Além da grande emoção do professor George, tenho um marido e um amigo mais próximo que, caso alguém não toque no assunto “Transamazônica”, eles o fazem com o maior prazer, todas às vezes  que podem.

Nossa retaguarda realmente foi bem apropriada, mas, fizemos com o maior prazer pra felicidade de vocês.

Aproveitem a noite. Tomarei uma bela taça de vinho aqui em Sampa por vocês.

Bjs, Bete

 Cada vez que vejo um grupo de brasileiro se orgulhando de ser brasileiro e andando por este país, aumenta a minha esperança de um dia construirmos um país, conscientes do quanto somos grandes.

Que deus os acompanhem…, sempre!

 “Só quando a última árvore for derrubada, o último peixe for morto e o último rio for poluído é que o homem perceberá que não pode comer dinheiro.” (Provérbio Indígena)

 Inté, Raimundo Pinto.

 Em nome dos aventureiros e das pessoas que tornaram esse sonho possível, o nosso muito obrigado.

George Marques

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

4 respostas para Divulgação 26 de julho de 2011

  1. Rocino Marinho disse:

    Parabéns ao nosso presidente e demais membros do FLC. Aproveito para dar um alô e que não esqueçam do colega de Sobral e mandem notícias sobre passei noturno e passeio da Serra de Tejuçuoca,bem como datas prováveis. Desde já agradeço.
    Abraços cordiais,
    Rocino Marinho.

  2. ASSIS disse:

    Como se faz para ser componente deste grupo de LANDs aí de fortaleza? já que sou carence porém longe do pago.

  3. ASSIS disse:

    Como se faz para ser componente deste grupo de LANDs aí de fortaleza? já que sou Cearence porém longe do pago.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s